A busca pelo meu destino!

Uma jornada de sonhos, uma jornada com obstáculos, mas mesmo assim uma jornada que vale cada minuto. Porque para realizar o primeiro passo é tentar.



"O que você tem, todo mundo pode ter, mas o que você é… Ninguém pode ser." - Clarice Lispector.

Nós somos únicos, cada um de nós. Seres com opiniões, sonhos e vidas diferentes. Todos ligadas por esse mundo, esse universo em que vivemos. Temos que valorizar isso, respeitar as diferenças que nos tornam especiais. São nossas diferenças que tornam o mundo interessante, elas que nos mantem em movimento, que nos fazem questionar as coisas.


E questionar é preciso, é através dos questionamentos e opiniões diversas que mudamos o mundo, que o tornamos um lugar melhor. Temos que olhar para nós mesmos e começar a apreciar o que temos de diferente, valorizar a nós mesmos. Não deixe que ninguém diga ao contrário, as pessoas tendem a temer o que não conhecem e por isso acabam tentando desmerece-lo.


Foquem no que realmente importa, usem sua força para viver uma vida intensa e cheia de momentos inesquecíveis, viagens incríveis. Valorize momentos, pessoas e experiências. Não bens, dinheiro e aparência. O que conquistamos ao longo da vida, outras pessoas podem conquistar também, mas nossa essência, aquilo que nos torna únicos. Isso ninguém mais pode ter. É nossa marca nesse mundo.


Todos tem uma magia a oferecer a esse mundo, todos estão aqui por um motivo. Vamos lutar por um mundo mais justo, um que realmente valha a pena viver. E essa mudança começa em nós mesmos, vamos olhar para dentro, vamos nos amar mais. Pratique boas ações, ajude mais os outros, escute antes de falar. Pense no próximo. Somos lembrados por nossas atitudes, então tenham certeza que estão deixando a certa nesse mundo.


"O essencial é invisível aos olhos." - Antoine de Saint-Exupéry.

O que realmente importa, só podemos sentir com o coração. É a magia que vem da alma, são as coisas simples e maravilhosas da vida. Os sorrisos bobos, os amigos verdadeiros, a família e as pessoas que amamos e nos amam também. Quando paro para fazer uma retrospectiva da minha vida, vejo que muitas vezes na correria do dia deixamos coisas incríveis passar sem dar o devido valor.


Depois de certa idade comecei a valorizar mais essas coisas, que antes pareciam bobas e pequenas. Aprendi que na simplicidade de estender uma mão, ou simplesmente ouvir o que uma pessoa tem a dizer. Nesses gestos moram um mundo, aprendi coisas que nunca imaginaria e fui ajudada por pessoas que muitos não dariam nada.

Não julgue um livro pela capa, sua história pode ser incrível. Poderia ter sido aquilo que mudaria sua vida e você deixou passar. O orgulho e o preconceito, nos cegam, nos impedem de ver a beleza e valor das coisas. Se libertem, amem mais, conversem mais, deem chance para as pessoas.


Para mudar o mundo, temos que mudar a nós mesmos. Não cobre do outro algo que você mesmo não faz. Não fique olhando a vida do outro, viva a sua. Cuide das suas coisas, ajude quando preciso, mas não julgue. Você não tem ideia do que aquela pessoa está passando.


Uma lição que aprendi é que muitas pessoas sorriem por fora e choram por dentro e uma palavra gentil pode ser a diferença na vida daquela pessoa. As vezes tudo que precisamos é saber que alguém se importa. Seja luz, semeie o bem, deixe coisas boas pelo seu caminho, coisas pelas quais vai valer você ser lembrado.


“Temos de nos tornar na mudança que queremos ver”. - Mahatma Gandhi.

Até amanhã amigos, tenham um dia maravilhoso! 💕


Para mais posts e notícias me sigam no Instagram @gabriellihathaway 💻


Beijos e abraços,


Gabi! 😘

Posts recentes

Ver tudo